22 de abril de…

0
Share

1500   Pedro Álvares Cabral, à tarde, avista a primeira terra do Brasil, divisando um monte a que deu o nome de Monte Pascoal. (Rio Branco, Ef. p. 212).

 

1657   Toma posse, em São Vicente, o 63.º capitão-mor, Manuel de Souza da Silva, da Capitania de São Vicente.

 

1745   Carta régia cria o Bispado de São Paulo que seria confirmado por Bula de 06 de dezembro do mesmo ano, do Papa Benedito XIV. (Folhas – A. Marques, p. 68 dos Apontamentos).

 

1745   Carta régia de Dom João V cria o Bispado de São Paulo compreendendo os territórios da Colônia do Sacramento, Rio Grande do Sul e Santa Catarina, desmembrados por Carta Régia de 20/11/1749.

 

1821   Decreto de D. João VI estabelece os poderes da Regência e Governo Provisório do Reino do Brasil, confiado ao príncipe real D. Pedro. (Rio Branco, Ef. p. 213).

 

1836   Nasce, em São Paulo, D. Antônio Cândido de Alvarenga, seu 11.º bispo. (Folhas, encadernação).

 

1838   Pedro de Araújo Lima é eleito Regente do Império em decorrência da renúncia do P.e  Diogo Antônio Feijó. (Rio Branco, p. 213).

 

1849   Lei provincial n.º 23 estabelece divisas de Bananal com a freguesia de São José do Barreiro.

 

1864   A vila de São José da Paraíba é elevada à categoria de cidade com o nome de São José dos Campos. (Folhas).

 

1883   Acha-se em Taubaté, em visita a sua família, o Cônego Bento d’Almeida, vigário de São Luís do Paraitinga. (Gazeta de Taubaté).

 

1883   Na rua Visconde do Rio Branco estão se organizando formigueiros de saúva. (Gazeta de Taubaté).

 

1883   É péssimo o estado da ponte do Paraíba em Tremembé onde já começam a ocorrer acidentes (submersão de um cargueiro). É por ali que passam os produtos vindos do sul de minas. (Gazeta de Taubaté).

 

1883   Às 7 horas da tarde realiza-se no Club Literário de que é secretário o Sr. A. Vieira, reunião em que se elege sua nova diretoria. (Gazeta de Taubaté).

 

1885   A lei provincial de n.º 117 desmembra de Paraibuna para anexar a São Luís do Paraitinga a fazenda do major Antônio Malheiros de Souza Menezes, do bairro do Pinhal.

 

1888   Convocados pelo presidente major Augusto Marcondes Varella reúnem-se os sócios do Club Literário de Taubaté. (Diário Paulista).

 

1895   É tornado sem efeito o decreto de 24 de ja-neiro de 1893 que nomeara o Dr. Fernando de Mattos, tenente-coronel comandante da Guar-da Nacional da Comarca de Taubaté. O Dr. José Rebouças de Carvalho é nomeado tenen-te-coronel chefe do estado-maior do comando superior; o capitão João Baptista Alves Mourão é nomeado ten.-c.el comandante do 59.º Regimento de Cavalaria; o major Antônio Patto ten.-c.el comandante do 150.º Batalhão de Infantaria; o capitão Francisco Cortez de Toledo ten.-c.el comandante do 18.º Batalhão de Infantaria e o capitão José Bento Marcon-des Lobato ten.-c.el comandante do 148.º Batalhão de Infantaria. (O Popular).

 

1896   Morre, em Pindamonhangaba, em avançada idade, D. Maria S. de Almeida uma das filhas (conhecidas como “moças do Adriano”) do ilustre taubateano Alferes Adriano Gomes Vieira de Almeida, falecido naquela cidade em março de 1864 e para onde se mudara daqui, em 1820. Era filho do sargento-mor Ignácio Vieira de Almeida e casado com D. Josephina Águeda de Mello. Tem seu nome ligado a um dos fatos mais importantes da vida política do país. Fez parte da Guarda-de-Honra do Príncipe Regente que o nomeou alferes do 2.º esquadrão e esteve nos campos do Ipiranga quando se fez a independência do Brasil. Exerceu os cargos de (em Pindamonhangaba) Juiz Municipal suplente e de promotor público, sendo nomeado a 25 de maio de 1829. Em 1832 foi nomeado Coletor das Rendas Nacionais. Serviu como vereador nos quatriênios de 1833 a 1836, de 1845 a 1848 e de 1849 a 1852. Foi eleito juiz de paz em 1841, 57 e 61. Tomou parte ativa na Revolução de 1842 e foi um dos mais distintos chefes do partido liberal, prestando-lhe bons serviços. (Athayde Marcondes – Pinda 250 anos – pág. 22).

 

1897   Chega a Taubaté, procedente do Rio de Janeiro, D. Silvério Gomes Pimenta nomeado bispo de Mariana e que amanhã às 11 horas na modesta capela da residência de Dom José Pereira da Silva Barros, arcebispo de Darnis, prestará o juramento de fidelidade à Igreja. Foi recebido na estação por D. José, Mons. João Alves, Côn. Benjamim, vigário – P.e Vieira, P.e Francisco Carlos e P.e João Ozório. (Diário de Taubaté).

 

1897   A Companhia Norte Paulista que tem a concessão do serviço de abastecimento de água de Taubaté aprova seus novos Estatutos e reelege sua diretoria: Presidente, Dr. José Francisco Monteiro; Secretário, ten. c.el Antônio Marcondes de Moura e Gerente: Eng.º Dr. Fernando de Mattos. (Diário de Taubaté).

 

1898   Na Igreja Matriz de Taubaté celebram-se solenes ofícios religiosos em sufrágio da alma de D. José Pereira da Silva Barros, Arcebispo de Darnis, falecido a 15. (Diário de Taubaté).

 

1906   O Cap. Antônio Affonso Moreira, 2.º suplente de juiz federal em exercício no município de Taubaté nomeia o Sr. Brasilino Vieira para seu escrivão. (O Norte).

 

1911   Dom Epaminondas Nunes d’Ávila e Silva, 1.º bispo de Taubaté, chega a Pindamonhangaba em visita pastoral sendo entusiastica- mente recebido por multidão, irmandades religiosas e a banda de música “Euterpe”. (Athayde Marcondes – Pinda – Efemérides – pág. 42 no fim do livro).

 

1914   Tendo em vista o grande movimento que se vem registrando na delegacia de polícia local o Dr. Gastão Câmara Leal, Prefeito Municipal, oferece à mesma uma máquina de escrever cuja oferta o Dr. Clóvis de Moraes Barros, delegado de polícia, agradece. (O Norte).

 

1915   Procedente do Rio de Janeiro, estréia no Teatro São João em Taubaté a Trupe Olimecha, companhia de ginástica, acrobacia e equilibristas, japonesa, sob a direção de Franco Olimecha. (Gazeta de Taubaté).

 

1915   A “Gazeta de Taubaté” jornal que aqui se publica às terças, quintas e sábados de propriedade da firma Castro Leão & Comp. estabelecida com papelaria à Rua Carneiro de Souza, 44 (telefone 45) e de que é gerente o Sr. Antônio de Castro Leão, publica vários agradecimentos recebidos por motivo da passagem há dias de seu 1.º aniversário.

 

1928   Morre, no Rio de Janeiro, o cardeal D. Joaquim Arcoverde de Albuquerque Cavalcanti que residiu em Taubaté no Palácio Santo Aleixo à Rua Dr. Emílio Winther, perto da Praça Santa Teresinha. (O Momento de 27/04/1941).

 

1949   Realizam-se as solenidades de inauguração da nova sede do E. C. Taubaté à rua Duque de Caxias, esquina da rua Bispo Rodovalho, irradiadas pela Rádio Pan-Americana (locutor Carlos Lopes) e Difusora Taubaté (Romão Pereira). (Taubaté Jornal).

 

1963   Lei n.º 701 cria a Faculdade de Medicina de Taubaté, transformada em autarquia Municipal pela lei n.º 812 de 26/05/1964.


____

Extraído das Efemérides Taubateanas, de José Cláudio Alves da Silva. Acervo Maria Morgado de Abreu

Related Posts
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *